Política

UNITA lamenta condições sociais da população no Luau e Alto Zambeze

Luena - O secretário provincial da Unita no Moxico, João Muzaza Caweza, lamentou, no Luena, os elevados problemas sociais que afectam sobretudo às famílias nos municípios do Luau e Alto Zambeze.

Falando numa conferência de imprensa, após um périplo de 15 dias aos municípios transfronteiriços do Luau e Alto Zambeze, o político apontou os hospitais, escolas, vias de comunicação, água potável, energia eléctrica, estradas, como as que mais dificuldades apresentam. A subida nos últimos dias de preço dos produtos da cesta básica, na óptica do líder da UNITA no Moxico, piora as já difíceis condições e o bem-estar das populações daquelas circunscrições.

João Muzaza Caweza disse haver falta de vontade política do Governo, o que reflecte no adiamento da asfaltagem das estradas que ligam estes municípios a cidade do Luena, capital da província do Moxico.

O também deputado da Assembleia Nacional pelo círculo do Moxico considerou de “insignificante” a terraplanagem em curso na estrada que liga as sedes municipais do Luau a Cazombo (Alto Zambeze).    

Manifestou-se preocupado pela persistência da falta de medicamentos, médicos especializados e de enfermeiros nas unidades hospitalares destas duas municipalidades, onde puderam notar várias pessoas a se questionarem “como conseguir dinheiro para adquirir os fármacos”.

Na conferência, o secretário provincial da Unita afirmou que as acções no âmbito do Programa de Investimentos Públicos (PIP) estão aquém do pretendido, augurando que o Programa Integrado de Intervenção dos Municípios (PIIM), traga outra dinâmica no desenvolvimento destes municípios. Considerou de excelentes os trabalhos dos seus militantes na divulgação e sensibilização das autarquias previstas para 2020, reiterando a implementação das eleições autárquicas em todos os municípios do país.

Justificou que desta forma vai se evitar situações de assimetrias regionais em termos de desenvolvimento, como sucede actualmente.

O evento que decorreu na sala de reuniões do comité provincial da Unita contou com a presença do deputado, Antonino Filipe Chiyulo, e de militantes oriundos dos nove municípios da província do Moxico. (Angop)

Mostrar mais

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Close