BrasilDestaquesDOSSIER CORRUPÇÃOPolítica

Corrupção e lavagem de dinheiro. Lula da Silva condenado a 12 anos de prisão

Lula da Silva foi considerado culpado pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro pela juíza federal Gabriela Hardt, que tem conduzido os processos desde a saída do ex-juiz Sergio Moro para o executivo liderado por Jair Bolsonaro.

O ex-presidente do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva foi esta quarta-feira condenado a 12 anos e 11 anos de prisão no processo da Operação Lava Jato, escreve a versão online da revista Veja.

Lula da Silva foi considerado culpado pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro pela juíza federal Gabriela Hardt, que tem conduzido os processos desde a saída do ex-juiz Sergio Moro para o executivo liderado por Jair Bolsonaro.

Além do ex-presidente, foram condenados os empreiteiros Marcelo e Emílio Odebrecht, os ex-executivos da Odebrecht Alexandrino Alencar, Carlos Armando Guedes Paschoal, o engenheiro da empreiteira Emyr Diniz Costa Júnior, o ex-presidente da OAS Léo Pinheiro, o ex-arquitecto da empreiteira Paulo Valente Gordilho, José Carlos Bumlai, o advogado Roberto Teixeira e Fernando Bittar.

Já condenado a 12 anos e 1 mês de prisão em segunda instância no caso do tríplex do Guarujá (SP), Lula da Silva está preso na instalações da Polícia Federal em Curitiba desde Abril de 2018. (Vanguarda)

Mostrar mais

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Close