BrasilDestaquesMundoPolítica

Bolsonaro ‘reaparece’ no Twitter após mais de uma semana sem postagens

O presidente Jair Bolsonaro (PL) usou o Twitter nesta quarta-feira, 16, para divulgar outros canais oficiais de comunicação, em meio ao ‘sumiço’ do chefe do Executivo das redes neste mês. Ele reduziu drasticamente a constância de postagens em diversas plataformas após ser derrotado por Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na eleição presidencial. O espaço entre a publicação mais recente e a anterior foi de oito dias.

Antes usuário constante das redes sociais, Bolsonaro passou a publicar pouco após a derrota, e geralmente imagens sem legenda e sem contexto. Foram apenas três postagens no Twitter após a derrota nas urnas, incluindo a mais recente, ante um histórico de actividade intensa na plataforma. A efeito de comparação, seu perfil teve 33 publicações só no dia 29, véspera do pleito.

O presidente Jair Bolsonaro reduziu a constância de postagens nas redes sociais após ser derrotado nas urnas. Foto: Evaristo Sá/AFP

O presidente Jair Bolsonaro reduziu a constância de postagens nas redes sociais após ser derrotado nas urnas. Foto: Evaristo Sá/AFP© Fornecido por Estadão

Vídeo relacionado: Bolsonaro diz não ter entendido pergunta de jornalista português

No Facebook, outra plataforma em que o presidente costumava ser bastante ativo, foram feitas somente quatro publicações após o segundo turno, sendo que uma delas foi a transmissão de seu pronunciamento, dia 1, após a formalização do resultado das urnas. Outra, o vídeo pedindo o fim dos bloqueios nas estradas e uma terceira uma foto sem legenda que mostra o presidente segurando uma bandeira do Brasil. Também no Instagram ele publicou uma imagem sem legenda, segurando a bandeira nacional.

Na publicação desta quarta-feira, Bolsonaro divulgou canais que, segundo ele, têm atualização diária, como Telegram, contrapondo a percepção de que ele se afastou das redes. Contudo, esses canais são maioritariamente de compartilhamento de notícias ligadas ao governo e não têm a interação típica do presidente com usuários no Twitter, por exemplo. (MSN)

Tags
Mostrar mais

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker