AngolaDestaquesOpiniãoPolíticaReligiõesSociedade

A voz firme de um Pastor

1. Depois de 43 anos de independência continuamos às apalpadelas à procura de um rumo .

2. Primeiro fomos intoxicados com o comunismo e disseram-nos que o Estado assumia tudo, todos éramos  iguais, educação gratuita,  saúde para todos, etc. Resultado: multiplicação de analfabetos e hospitais transformados em caminhos para a morte.
3. Nesta confusão,  os mais iguais ficaram ricos à custa do pseudo-comunismo que nos fez sofrer. Comum mesmo era o sofrimento dos pobres!
4. Os mesmos mudaram de disco em 1992 e convenceram-nos , depois de se enriquecerem e de sufocarem os pequenos empresários que a solução era a economia de mercado que, afinal, se transformou na economia dos amigos. Acabaram por ser os mesmos a se enriquecerem mais os seus filhos.
5. A guerra foi um trunfo valioso que justificava todas as misérias.
6. A guerra terminou e veio o período da prosperidade econômica com o petróleo em alta que, dispensaria,  em minha opinião,  o avultado empréstimo chinês.  Mas, como a ganância não tem limites, os mesmos puxaram para si tudo mais alguma coisa.
7. Petróleo baixou, país sem dinheiro por má gestão e agora querem arrancar as tripas aos pobres.  Impostos altíssimos e multiplicados em tudo, custo de vida elevadíssimo,  cesta básica inalcansável,  fome e miséria…
8. Privatizam a TAAG e em menos de um mês os insaciáveis de sempre fazem a festa do enriquecimento fácil subindo os preços para nos castigarem.
9. Será que os novos sócios já compraram algum avião para aumentarem os preços ou vão investir com o nosso dinheiro?
10. Hoje é um daqueles dias em que não sinto nenhum orgulho de ser angolano, só que , daqui não saio!!!!
11. Durmo cansado de promessas e triste por por ver um país mendigo por cima da abundância… um país adiado pela ganância! (B.C.)

Mostrar mais

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Close