AmbienteRegiõesTurismo

Turístico entre as prioridades do orçamento de 2019

Dundo - O sector turístico, depois da saúde e educação, é uma das prioridades do projecto de orçamento da Lunda Norte para 2019, calculado em cerca de 43 mil milhões de kwanzas - isto é, mais 3,4 porcento que o actual.

Tendo em conta a importância dada ao sector no orçamento 2019, o Conselho Provincial de Auscultação das Comunidades, presidido pelo governador, Ernesto Muangala, nessa quinta-feira, no Dundo, manifestou-se favorável à eleição da Lagoa Nacarumbo – uma das  Sete Maravilhas de Angola.

Caso de seja aprovada a inclusão da Lagoa Nacarumbo do projecto orçamental será concretizado o plano de ordenamento da  área da lagoa, a partir  do próximo ano, mas  a via de acesso já  tem beneficiado  de limpeza, segundo o director  do gabinete provincial de planeamento, Fernando Bárber.

A  Lagoa de Nacarumbo está  localizada a 150 quilómetros a sul da cidade do Dundo, e, bem aproveitada, constitui uma valia para a economia da Lunda Norte.

No final do encontro, o  administrador do município do Cuango, Guilherme Canco, considerou  irrisória a fatia atribuída à circunscrição  que  tem como principal constrangimento  a via degradada que liga a sede do município à Comuna de Luremo,  passando por Cafunfo.

Já o director da Saúde, José Gimi Nhunga, defendeu incentivos para  atracção  de concorrentes para a Lunda Norte, província que perdeu  18 vagas  para médicos.

O  encontro contou  com  representantes de partidos políticos com assento parlamentar, autoridades eclesiásticas e tradicionais, associações  profissionais e juvenis, que tomaram conhecimento dos concursos públicos havidos nos Sectores da Educação e Saúde, e do andamento da Operação Transparente em curso no país. (Angop)

Mostrar mais

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Close