AngolaDestaquesEconomiaNacional

PCA da ENDE diz que clientes devem 62 mil milhões, mas relatório aponta “calote” de 202 mil milhões de kwanzas

Elevadas dívidas junto da empresa de electricidade são dominadas pelas instituições estatais e por algumas grandes empresas privadas. Cultura do não-pagamento de electricidade é acentuada, o que enfraquece a renda da fornecedora.

A dívida dos mais de 1,7 milhão de clientes da Empresa Nacional de Distribuição de Electricidade (ENDE) está avaliada em 62 mil milhões de kwanzas, disse ao Novo Jornal o presidente do Conselho de Administração dessa instituição pública, Hélder de Jesus Garcia Adão.

O responsável falava, há dias, ao Novo Jornal, à margem de uma conferência para assinalar o oitavo aniversário da empresa, tendo referido que, na lista dos maiores devedores, estão instituições públicas e privadas de grande dimensão.

Hélder Adão sublinhou que, entre as instituições estatais devedoras, se incluem os Governos Provinciais, que não pagam a iluminação pública, seguidos de outras afins, observando que a ENDE sobrevive, sobretudo, dos pagamentos efectuados por clientes domésticos. (Novo Jornal)

Tags
Mostrar mais

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker