DestaquesMundoSaúdeServiços

Quase todos os mortos com Covid-19 em Itália tinham outras doenças

Uma análise do Instituto Superior de Saúde de Itália demonstrou que grande parte das pessoas que morreram pela doença tinham 80 anos e outras patologias.

O Instituto Superior de Saúde (ISS) de Itália revelou que a maioria (96%) dos pacientes que morreram por Covid-19 no país tinham outras doenças e a idade média destes era de 80 anos. “Os números mais recentes mostram que os novos casos e fatalidades têm algo em comum: são principalmente idosos com doenças anteriores”, disse o chefe do ISS, Silvio Brusaferro, citado pela agência ‘Bloomberg’.

A estudo realizado pelo ISS demonstrou também que, a 25 de maio, apenas 1,1% dos doentes que morreram devido ao novo coronavírus tinham 50 anos e mais de metade (57%) tinham mais de 80 anos. Quase metade dos novos casos em maio foram registados em lares.

Com mais de 32 mil mortes e mais de 230 mil casos, a Itália começa a emergir do confinamento e cerca de 4 mil milhões de pessoas voltaram ao trabalho. A maioria das lojas, bares e restaurantes reabrem daqui a duas semanas, com regras de distanciamento.

Porém, as estatísticas deixaram o Governo italiano e os especialistas dee saúde receosos quanto à perceção dos jovens no que toca à contração do vírus. Assim, e depois do aglomerado de pessoas nas ruas durante o fim de semana o presidente da Câmara de Milão, Giuseppe Sala, proibiu a venda de bebidas após as 19h00. (Jornal Económico)

 

Mostrar mais

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker