DestaquesMundo

Alemanha regista novo recorde diário de casos, 6638 nas últimas 24 horas

A Alemanha registou 6.638 infetados com o novo coronavírus nas últimas 24 horas, um recorde desde o início da pandemia, segundo dados oficiais divulgados esta sexta-feira.

A informação surgiu poucas horas depois do anúncio de novas restrições nos 16 estados regionais, com o objetivo de prevenir o ressurgimento da pandemia.

O número mais alto de contaminação diária datava de 28 de março, com 6.294 casos.

A chanceler alemã, Angela Merkel, anunciou na noite de quarta-feira a introdução de novas medidas mais restritivas, após uma reunião com responsáveis dos 16 estados regionais.

Por exemplo, o número de participantes em eventos privados será limitado em regiões que registem mais de 35 novas contaminações por 100.000 habitantes em sete dias. Nessas áreas, as máscaras serão obrigatórias sempre que as pessoas estiverem próximas umas das outras por um determinado período de tempo.

Os encontros serão limitados a 25 pessoas em estabelecimentos públicos e 15 em salas privadas.

“Estou convencida de que o que fizermos agora determinará como iremos superar esta pandemia”, afirmou Merkel.

“Podemos ver (…) que o índice de infeções está a aumentar e que em algumas regiões é muito alto”, acrescentou. “Esta é a razão pela qual devemos evitar o crescimento descontrolado ou exponencial”, sublinhou.

Uma vez ultrapassado o número de 50 novos contágios por 100 mil habitantes, regras ainda mais severas serão impostas, segundo as autoridades.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de um milhão e oitenta e sete mil mortos e mais de 38,2 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência de notícias France-Presse (AFP).

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes. (Jornal de Notícias)

Mostrar mais

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker