DestaquesOpinião

Regionalização e desenvolvimento local

Mais do que uma metodologia para identificar e referenciar as regiões, a regionalização é um processo de georreferenciação, organização e transformação social e económica de regiões, com base em critérios coerentes e sustentados, de desenvolvimento económico, social e ambiental.

Tão importante como “zonar” regiões, é dar-lhes organização e vida, em função do seu potencial e níveis de subsistência necessários, garantindo desta forma a sua capacidade de transformação e desenvolvimento da riqueza instalada.

A integração das regiões num processo de desenvolvimento integrado e coerente, passa pela capacidade de fazer o adequado planeamento físico, natural e estratégico de cada zona, permitindo que estas contribuam de forma eficiente e eficaz, para o reforço da cidadania, convergente com o desenvolvimento económico sustentado, tendo em conta o potencial existente, gerando mais valias distintivas, ao nível da produção de riqueza, da empregabilidade e da valorização humana.

Exigindo uma divisão territorial, o conceito de regionalização implica em primeiro lugar, uma necessidade técnica de planeamento do desenvolvimento económico, uma divisão territorial funcional, permitindo um aproveitamento eficaz dos recursos existentes. (Expansão)

Por: Mário Beirolas

Mostrar mais

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker