DestaquesEconomiaSociedade

Operação Resgate: Vendedores em Cacuaco com dificuldade em adquirir cartão de ambulante

A falta de Bilhete de Identidade dificulta a aquisição de cartões ambulantes, declarações de início da actividade comercial e de cartões precários, disseram esta terça-feira, à Angop alguns munícipes de Cacuaco.

Os munícipes afirmaram que a maioria não tem Bilhete de Identidade que lhes permita tratar os documentos necessários para ter acesso aos cartões de ambulante ou para o exercício do comércio precário.

A ambulante Maria Eugénia, que tem vendido diversas mercadorias na rua, não possui nenhum outro documento para além do Cartão Eleitoral, mas manifestou estar disposta a colaborar com os promotores da “Operação Resgate”, no sentido de se legalizar para trabalhar no mercado onde for indicada.

A vendedora Madalena da Conceição disse que deverá deslocar-se à província do Uíge onde vai tratar a Cédula Pessoal e Cópia Integral da certidão narrativa de nascimento para, em Luanda, tratar o Bilhete de Identidade. Para o efeito, Madalena da Conceição explicou que terá que obter 30 mil kwanzas para a viagem e pagar os emolumentos.

Por sua vez, Garcia Sebastião é de opinião que o Governo deveria autorizar as pessoas a tratarem o Bilhete de Identidade a partir do Cartão Eleitoral, ou por meio de outro documento que dispõem.

“Eu não tenho dinheiro para ir à minha província, Cunene, para tratar a cédula e outros documentos necessários para ter o Bilhete de Identidade e depois tratar o cartão de ambulante”, lamentou.

Um documento da direcção municipal do comércio, afixado no placar da Administração Municipal de Cacuaco, espelha que desde o inicio da Operação Resgate, foram emitidos 75 cartões ambulantes, 27 declarações para o início da actividade comercial, das quais nove por levantar.

De igual modo, a direcção do comércio afixou no placar a relação dos documentos que devem ser apresentados para que o cidadão possa exercer a actividade comercial ambulante e outras actividades comerciais.

Para tratar o cartão de ambulante, o requerente deve apresentar uma cópia do bilhete de identidade, cartão de contribuinte e duas fotografias.

Direcção municipal do comércio de Cacuaco, controla 15 mercados com mais de quatro mil lugares. (ONgoma News)

 

Mostrar mais

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker