DesportoDestaquesFutebol

Presidente reeleito da FAF promete correcção de erros

“Cometemos alguns erros no mandato passado e com ajuda de todos vamos procurar corrigir”, reconheceu hoje, em Luanda, o presidente da Federação Angolana de Futebol (FAF), Artur de Almeida e Silva, após anúncio da sua reeleição para o quadriénio 2020/24.

Eleito com 70 votos, o dirigente, que bateu na concorrência Nando Jordão (59), Tony Estraga(28) e José Makaia (8), afirmou que a sua vitória é da coerência, visão estratégica e da modalidade.

“Estendemos as mãos a todos que não venceram e não é preciso estar na FAF para servir o futebol. Vamos todos trabalhar em prol do desenvolvimento do futebol. Um agradecimento a todos que depositaram confiança na nossa lista. Por isso, vamos corrigir os erros cometidos no passado”, disse.

Com este triunfo, o líder da FAF cumpri o seu segundo mandato. Nando Jordão -Espero que melhora a sua gestão. O segundo candidato mais votado, Fernando da Trindade Jordão “Nando Jordão”, com 59 votos, espera que o presidente reeleito melhore a sua gestão, para permitir que o futebol reaparece.

Aproveitou para felicitar Artur Almeida e Silva pela vitória. Tony Estraga, Sonho não termina aqui António Gomes “Tony Estraga”, diz estar sempre disponível para servir o desporto, em particular o futebol. “O sonho não termina aqui, vamos continuar a fazer tudo para o engrandecimento do desporto”, disse o candidato que obteve 28 votos.

Pediu ao vencedor para honrar a confiança depositada pelos eleitores, a fim de alterar o quadro actual da modalidade. José Macaia Não esperava pelos resultados Apesar de se mostrar tranquilo, José Macaia disse que não esperava pelos resultados finais nas eleições, mas que vai tirar lições para futuros projectos.

“Continuarei a ser o mesmo homem do futebol e apesar da derrota, sente-se feliz pelo apoio que teve”, referiu o concorrente da lista D. Artur de Almeida e Silva venceu as eleições para presidência na Federação Angolana de Futebol (FAF), com 70 votos, sendo reeleito para o quadriénio 2020/2024. Em segundo ficou Nando Jordão, com 59, seguido por Toni Estraga (28) e José Macaia (8) (Portal de Angola)

Mostrar mais

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Ver também

Close
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker