DestaquesFutebol

Presidente do PSG avisa Real Madrid: «Não gostamos que falem com os nossos jogadores»

Merengues tentaram 'desviar' Neymar no mercado de verão mas não foram bem-sucedidos

A possível transferência de Neymar para o Real Madrid foi uma das notícias que mais tinta fez correr nos últimos meses e o presidente do PSG não gostou do assédio dos merengues ao seu craque, conforme contou numa entrevista ao jornal espanhol ‘Marca’.

“É frustrante porque não é justo que outros clubes ou alguém fale com os nossos jogadores”, começou por dizer Nasser Al-Khelaifi. “Não gostámos nada e a certa altura falámos com o Real Madrid sobre isso. Temos uma boa relação, eles dizem que respeitam o PSG e espero que isso seja verdade. Nós respeitamos o Real Madrid e o seu presidente, Florentino Perez, mas acho que é importante que não trabalhemos nas costas uns dos outros.”

O líder dos franceses, que no verão de 2017 pagaram 220 milhões de euros ao Barcelona pelo passe do brasileiro, não gostou de saber que os merengues andavam a rondar o craque. O Real Madrid chegou a enviar um emissário ao Brasil no sentido convencer o jogador a mudar-se de novo para Espanha… “Não sei se me entende, se há algo o melhor é falarmos, dizermos o que gostamos e o que não gostamos. Nós não fazemos isso e esperamos que os outros clubes atuem da mesma forma connosco.”

Nasser Al-Khelaifi adiantou, ainda, que Neymar “está em forma”. “Agora está bem. Ele lesionou-se e não teve tempo para chegar a um nível máximo ao Mundial, mas agora está com confiança e estamos felizes por poder contar com ele nestas condições. Está feliz e muito motivado. Ter Neymar e Mbappé juntos é uma grande responsabilidade para o clube. Temos os melhores avançados; e ainda há Cavani, Di María… É um orgulho.” (Record)

Mostrar mais

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ver também

Close
Close