ÁfricaDestaquesInvestimento

Diamantes: Botswana interessado em trabalhar com Angola

O Presidente da República do Botswana, Mokgweetsi Masisi – que visitou segunda-feira o stand de Angola na ‘Indaba Mining’ – expressou o interesse do seu país em cooperar com Angola no sector dos diamantes.

O ministro dos Recursos Minerais, Petróleo e Gás, Diamantino Azevedo, informou que abordaram a “necessidade de trabalhos conjuntos no campo” a nível dos diamantes. “Tivemos um encontro com sua Excelência o Presidente do Botswana que visitou o nosso stand.

Conversámos um bocado e falámos da nossa necessidade de trabalharmos em conjunto no campo, concretamente a nível dos diamantes. Iremos dar nota ao Presidente João Lourenço sobre o encontro e do que o senhor Presidente do Botswana pediu para fazermos nos próximos tempos em conjunto”, indicou Diamantino Azevedo, citado numa nota disponibilizada no Facebook da tutela.

O governante fez ainda saber que tem tido vários encontros com instituições ligadas ao sector mineiro: “O objectivo passa pela atracção de investidores mineiros em Angola e, por isso, temos vários encontros com empresas mineiras e instituições que financiam o sector mineiro e esperamos também ter êxitos.

Nós viemos por causa do sector mineiro em geral e temos a preocupação de divulgar todo o sector minero de Angola”. Ministro apela ao investimento no sector mineiro angolano No primeiro dia do certame, em que se assinalou o ‘Dia de Angola’, o titular da pasta dos Recursos Minerais, Petróleo e Gás, apelou ao investimento no sector mineiro angolano.

Após a abertura da Indaba, o país organizou um fórum que serviu para mostrar o potencial geológico e mineiro, a situação da mineração em Angola, a indústria diamantífera, entre outros. Na ocasião, Diamantino Azevedo disse que o “encontro representa a aspiração de restabelecer a necessária confiança no desenvolvimento mineral” que continua a assumir um papel fundamental na economia de Angola.

Os Presidentes do Botswana, Mokgweetsi Masisi e de Angola, João Lourenço, num encontro em Luanda, onde manifestaram o interesse na cooperação na área dos diamantes (Foto: D.R.)

“Reconhecemos o papel dos investidores privados e acredito que, participando neste fórum, está no lugar certo”, acrescentou. Citado numa outra nota do ministério, o ministro também realçou que o país, nos últimos cinco anos, deu passos concretos para transformar a indústria mineira num dos domínios mais atractivos da economia do país.

“Estamos agora a colher os benefícios das mudanças regulatórias e institucionais”, indicou. Acrescentou igualmente que a “certeza, transparência e eficiência aprimorada são as marcas de uma boa regulamentação e isso orientará quaisquer outras reformas que fizermos”.

“Muito em breve, Angola tornar-se-á membro da Iniciativa de Transparência nas Indústrias Extractivas”, informou, destacando que como fruto dessa abertura, Angola conta com a AngloAmerican, a De Beers, a Rio Tinto e outras empresas como a Penzana e Tosyali, como integrantes da indústria de minerais. Esclareceu ainda que o Governo decidiu “não se envolver directamente na gestão de negócios de mineração”, sendo que no país “a gestão das empresas está reservada ao sector privado”.

Por fim deixou ainda um apelo ao investimento no país: “Venham investir no sector mineiro angolano”. “Gostaria de convidar todos os investidores neste Fórum a se apresentarem e se associarem a nós à medida que reconstruímos e crescemos o sector de mineração. Sei que muitos de vocês terão o intercâmbio com outros participantes, à margem deste Fórum, mas ‘fiquem tranquilos’ que a equipa do Ministério dos Recursos Minerais, Petróleo e Gás está pronta para recebê-los em Angola”, completou. Recorde-se que a ‘Indaba Mining’ decorre, até 12 de Maio, a Cidade do Cabo, na África do Sul.  (Ver Angola)

Tags
Mostrar mais

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker